QUAL A MELHOR CHAPINHA DO MUNDO?

Qual a melhor chapinha do mundo? Essa é uma pergunta frequente, mas saiba que a resposta pode mudar de acordo com cada pessoa... Sim, a...


Qual a melhor chapinha do mundo? Essa é uma pergunta frequente, mas saiba que a resposta pode mudar de acordo com cada pessoa... Sim, a melhor chapinha, ou prancha, para mim, pode não ser a melhor para você e isso é devesse as nossas necessidades.

Quando fiz o curso de cabeleireiro confirmei minhas suspeitas referente a algumas coisas, tais como a melhor chapinha. Então vou explicar desde o início como funcionam e como escolher a melhor chapinha para você!


Se você é um profissional e precisa usar a chapinha diariamente para diversos tratamentos, ela com certeza será e deverá ser diferente de quem não possui as mesmas necessidades. Chapinhas para profissionais devem ter no mínimo a potência de 180º, pois este é o mínimo para alisar os cabelos, mas é importante chegar a cerca de 230º também, para tratamentos mais "intenso", como os alisantes. Esse tipo de produto costuma ser mais caro e normalmente só é encontrado em marcas e linhas específicas, para profissionais... Lembrando que produtos profissionais em 90% dos casos não são Bivolt!

Já se você não é nenhum profissional e não quer ter de gastar "rios de dinheiro" em uma chapinha, o ideal é que você escolha por marca, a Taiff é uma marca profissional, porém que possui modelos mais "simples", para uso diário, então marcas que se aproximam das profissionais, porém que não possuem a mesma potência, lhe trarão um excelente resultado, porém sem precisar investir tanto. E como mencionado antes, os produtos profissionais não são Bivolt, mas produtos "de uso doméstico" sim, o que facilita se você precisar viajar e levar o produto com você!

Afinal, ninguém gosta ou deseja carregar por ai um transformador por ai, só para usar a chapinha, né? Essa dica também vale para quem for fazer cursos ou é profissional, pois saiba que se você fizer o curso em uma cidade como a minha, que a voltagem é 220V seus equipamentos precisarão ser desta voltagem, mas você deve tomar cuidado caso vá trabalhar em outra cidade, como foi o caso de um colega, que foi trabalhar em Porto Alegre, onde a voltagem é 110V... Em casos assim, é necessário ter o transformador ou comprar novos equipamentos (o que custa bem mais caro do que transformadores).

Essas são as dicas que posso passar para vocês e espero que elas possam ter tirado suas dúvidas, assim como ajudado de alguma forma.
Beijos e até a próxima.

Você poderá gostar também de...

1 comentários

  1. Grazi post muito bem elaborado, algum tempo atrás ele super me ajudaria, mas como agora estou em transição, mas aprender nunca é d+ e dica de chapinha as amigas pirammmm muito bom. Bjs

    www.purpurinanasvaidosas.com.br

    ResponderExcluir

SIGA @FRESCURASDEMULHERZINHA